Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maria vai com todos

Estórias. Histórias. Pessoas. Sítios. Viagens.

Maria vai com todos

Estórias. Histórias. Pessoas. Sítios. Viagens.

Coisas que não entendo: O fanatismo do futebol

fanatismo do futebol.jpeg

 

Se há coisa que me custa a entender é a estupidez alheia que parece afectar muitos adeptos de futebol - atenção, não são todos! Não se enervem! Como em tudo há gente decente!

Mesmo o conceito de amor por um clube custa-me a entender, mas vá, desde que não partam montras, não insultem ninguém e coisa que o valha, é para o lado que durmo melhor!

 

Sou de Coimbra, ou seja, Académica para a vida - Brioooooosa! Se a Académica está na Primeira divisão fico contente, nem feliz acho, e a vida segue. Se perde a mesma coisa.

Em minha casa ninguém é igual e não há ninguém muito louco pelo futebol.

O meu pai até se esquecia dos jogos e se lhe pergunto, quem está em segundo ou em terceiro, sabe lá ele. Obviamente que ele apoiava a Académica - tipo era sócio e ia ao estádio e depois era também do Benfica. O Benfica perdia e ele continuava feliz, na vidinha dele. Lembro-de de estar presente em discussões (idiotas) com amigos e gente da família por causa de futebol e ele dizia sempre a rir “o futebol não me dá de comer”!

 

No fundo, isto resume todo o meu espírito com a coisa. Mesmo com os jogos da selecção. “Epa: Portugal ganhou? Fixe! Perdeu? Vidas! O que é que há para jantar?”

 

Explicado o meu contexto, nem mesmo quando me tento colocar nos sapatos dos outros, consigo entender este fanatismo pelo futebol! Esta coisa que faz gente insultar desconhecidos e as respectivas famílias! Esta coisa que põe gente no meio da rua a mostrar o pirilau e o traseiro peludo. E a partir vidros e património alheio. Não entendo como debates televisivos sobre o tema, podem ser mais explosivos do que quando se discute o défice ou a corrupção. Recordo-me quando uma vez, aqui no blog, escrevi sobre o Cristiano Ronaldo e como logo caiu o Carmo e a Trindade, a choveram insultos ridículos! Fale-se mal do presidente e até do papa, nunca de um jogador de futebol!

6 comentários

Comentar post