Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Maria vai com todos

Estórias. Histórias. Pessoas. Sítios. Viagens. Istambul. Riga. Cinco anos em Madrid. E agora Berlim.

Maria vai com todos

Estórias. Histórias. Pessoas. Sítios. Viagens. Istambul. Riga. Cinco anos em Madrid. E agora Berlim.

Mas de repente toda a gente odeia Portugal?

Em anos a viver fora de Portugal e a viajar, já me deparei com várias coisas. Gente que não sabe que Portugal é um país ou que o português um idioma. Pessoas que acham que Portugal faz parte de Espanha. Há quem me console dizendo que "talvez um dia, Portugal entrará na União Europeia" ou simplesmente que considera Português e Espanhol, os idiomas, a mesma coisa. E, sinceramente, não me chateia. Entendo perfeitamente que alguém no Irão não saiba que Portugal existe ou que um habitante do Peru desconheça a língua portuguesa, assim como um letão. Ninguém tem de saber de tudo e, verdade seja dita, na actualidade, somos um país pequeno e de pouca expressão económica ou cultural.

Também nunca me ofendeu que mais gente soubesse da existência de Portugal mais graças ao Eusébio, ao Figo ou ao Cristiano Ronaldo e ao Mourinho, do que graças a Camões, Pessoa ou à Amália. Mesmo no Camboja onde o futebol não é rei, gritavam "Ronaldo" quando ouviam falar de Portugal ou na Índia me contavam histórias sobre o Eusébio.
Eu que sou da Académica por principio, não acompanho campeonatos, nem sei quem marca golos ou treina o quê; nunca me aborreci por falar de futebol com estrangeiros. Diverte-me.
O futebol é um tema de comunicação comum, une pessoas e, da minha parte, só lhe tenho a agradecer por isso. Sobretudo em viagem, corta o gelo, possibilita conversas e facilita interacções. Obrigada ao Eusébio e ao Figo e aos outros todos por isso.

 

Mas de repente, parece que todos odeiam Portugal. Esperam que Portugal perca, ficam nervosos e vermelhos quando falam do Ronaldo e mais do que a equipa A, B ou C ganhe, querem que Portugal não vença, que perca.

Eu não tenho TV e quanto aos jogos do Euro 2016, só vi alguns - inclusive de Portugal. Ou seja, mesmo sabendo do que se passa, estou um pouco à margem deste ruído e histeria mediática. Cheira-me que demasiado Cristiano Ronaldo e pouco Portugal... e não é só nos meios de comunicação portugueses, onde amar/odiar o CR/ é desporto nacional.

 

No entanto, todo este ódio é novo para mim. Como disse, por norma, as pessoas não sabem que Portugal existe, desconhecem/querem ir ou adoram. Esta negatividade é uma novidade e eu fico sem saber como reagir. Até porque, apesar de apoiar Portugal, eu continua achar que em termos de jogo, deixam muito a desejar. Da mesma forma que acho que o Cristiano Ronaldo um jogador do caraças, mas que é também alguém com atitudes parvas. Ele pode ser as duas coisas, porque todos nós SOMOS bons e maus, com virtudes e defeitos.

Todavia, esta raiva, este ódio,... nós que somos tão fofos! Recebemos tão bem. Portugal é tão porreiro! Oh futebol, oh Cris, não me lixem a vida!